Pesquisar este blog

domingo, 19 de dezembro de 2010

Bem-vindo fluxos de doces sonhos

"Bem-vindo fluxos de doces sonhos, Que se instalam em cima de mim. O que está lá fora, ninguém sabe ... A maré pode trazer alguma coisa, Firme como ela vai
Várias linhas de estado nos manter separados Mas não perco o sono, porque eu vou mantê-lo sempre em meu coração. As ondas que se quebram nos mantém vivos, E ele sabe que eu vou estar aqui para vê-lo na próxima vez que eu chegar "


Um comentário: